Tubarão vence o Brusque na Vila

É momento de acreditar, e o torcedor deu o seu voto de confiança ao Tubarão. Nesta segunda-feira, o Peixe jogou bem e venceu o Brusque no estádio Domingos Gonzalez. Vitória por 1 a 0, com gol de Edu, aos 25 minutos da segunda etapa, premiando o esforço tricolor do primeiro ao último minuto. O goleiro Junior Belliato garantiu o resultado defendendo um pênalti.
– Saio satisfeito pela entrega de todos. Estamos num processo de ajustes, esse resultado não vai nos tirar o foco principal, que é sair das últimas colocações. A vitória nos dá confiança para trabalhar durante a semana. Os atletas chegam de uma forma diferente para trabalhar, o vestiário começa a acreditar, assim como o torcedor – avaliou o técnico Luizinho Vieira.
O Peixe dominou o primeiro tempo, principalmente nos minutos iniciais. A melhor chance foi com Parrudo, aos 30 minutos, quando o camisa 17 recebeu na área e chutou forte, para grande defesa de Paulo Sérgio. O grande momento veio no final, aos 44, quando o Brusque teve um pênalti a seu favor. Isac cobrou e Belliato voou no seu canto esquerdo para defender.
Na etapa final, mais pressão do Tubarão. Com Tilica e Daniel Costa, o time ficou mais ofensivo e criou diversas chances perigosas. Aos 13, Oliveira cruzou para Edu, que cabeceou na trave. O gol estava predestinado a sair dos pés do camisa 9. Tilica, em grande jogada, passou por dois marcadores e deixou Edu na cara do gol. O atacante ainda cortou o zagueiro e, com uma finalização certeira, abriu o placar na Vila. Mesmo com o resultado favorável, o Tubarão seguiu criando no ataque. Após cruzamento de Oliveira, Daniel Costa quase fez o segundo. Com a defesa bem organizada, o Peixe segurou o placar e garantiu os três pontos.
– O torcedor tem um papel importante, e hoje ele foi excepcional. Jogou com a gente do início ao fim. Dependemos das nossas próprias forças para sair dessa situação. Foi uma vitória gigante, principalmente no aspecto de organização do time – completou Luizinho.
Com o resultado, o Tubarão chegou a 11 pontos na classificação e depende apenas de si para terminar o Campeonato Catarinense fora de zona de rebaixamento. O próximo compromisso da equipe é fora de casa, contra o Avaí, na Ressacada. O jogo será no sábado, às 18h.

Tubarão vence o Brusque na Vila

É momento de acreditar, e o torcedor deu o seu voto de confiança ao Tubarão. Nesta segunda-feira, o Peixe jogou bem e venceu o Brusque no estádio Domingos Gonzalez. Vitória por 1 a 0, com gol de Edu, aos 25 minutos da segunda etapa, premiando o esforço tricolor do primeiro ao último minuto. O goleiro Junior Belliato garantiu o resultado defendendo um pênalti.
– Saio satisfeito pela entrega de todos. Estamos num processo de ajustes, esse resultado não vai nos tirar o foco principal, que é sair das últimas colocações. A vitória nos dá confiança para trabalhar durante a semana. Os atletas chegam de uma forma diferente para trabalhar, o vestiário começa a acreditar, assim como o torcedor – avaliou o técnico Luizinho Vieira.
O Peixe dominou o primeiro tempo, principalmente nos minutos iniciais. A melhor chance foi com Parrudo, aos 30 minutos, quando o camisa 17 recebeu na área e chutou forte, para grande defesa de Paulo Sérgio. O grande momento veio no final, aos 44, quando o Brusque teve um pênalti a seu favor. Isac cobrou e Belliato voou no seu canto esquerdo para defender.
Na etapa final, mais pressão do Tubarão. Com Tilica e Daniel Costa, o time ficou mais ofensivo e criou diversas chances perigosas. Aos 13, Oliveira cruzou para Edu, que cabeceou na trave. O gol estava predestinado a sair dos pés do camisa 9. Tilica, em grande jogada, passou por dois marcadores e deixou Edu na cara do gol. O atacante ainda cortou o zagueiro e, com uma finalização certeira, abriu o placar na Vila. Mesmo com o resultado favorável, o Tubarão seguiu criando no ataque. Após cruzamento de Oliveira, Daniel Costa quase fez o segundo. Com a defesa bem organizada, o Peixe segurou o placar e garantiu os três pontos.
– O torcedor tem um papel importante, e hoje ele foi excepcional. Jogou com a gente do início ao fim. Dependemos das nossas próprias forças para sair dessa situação. Foi uma vitória gigante, principalmente no aspecto de organização do time – completou Luizinho.
Com o resultado, o Tubarão chegou a 11 pontos na classificação e depende apenas de si para terminar o Campeonato Catarinense fora de zona de rebaixamento. O próximo compromisso da equipe é fora de casa, contra o Avaí, na Ressacada. O jogo será no sábado, às 18h.

Tubarão vence o Brusque na Vila

É momento de acreditar, e o torcedor deu o seu voto de confiança ao Tubarão. Nesta segunda-feira, o Peixe jogou bem e venceu o Brusque no estádio Domingos Gonzalez. Vitória por 1 a 0, com gol de Edu, aos 25 minutos da segunda etapa, premiando o esforço tricolor do primeiro ao último minuto. O goleiro Junior Belliato garantiu o resultado defendendo um pênalti.
– Saio satisfeito pela entrega de todos. Estamos num processo de ajustes, esse resultado não vai nos tirar o foco principal, que é sair das últimas colocações. A vitória nos dá confiança para trabalhar durante a semana. Os atletas chegam de uma forma diferente para trabalhar, o vestiário começa a acreditar, assim como o torcedor – avaliou o técnico Luizinho Vieira.
O Peixe dominou o primeiro tempo, principalmente nos minutos iniciais. A melhor chance foi com Parrudo, aos 30 minutos, quando o camisa 17 recebeu na área e chutou forte, para grande defesa de Paulo Sérgio. O grande momento veio no final, aos 44, quando o Brusque teve um pênalti a seu favor. Isac cobrou e Belliato voou no seu canto esquerdo para defender.
Na etapa final, mais pressão do Tubarão. Com Tilica e Daniel Costa, o time ficou mais ofensivo e criou diversas chances perigosas. Aos 13, Oliveira cruzou para Edu, que cabeceou na trave. O gol estava predestinado a sair dos pés do camisa 9. Tilica, em grande jogada, passou por dois marcadores e deixou Edu na cara do gol. O atacante ainda cortou o zagueiro e, com uma finalização certeira, abriu o placar na Vila. Mesmo com o resultado favorável, o Tubarão seguiu criando no ataque. Após cruzamento de Oliveira, Daniel Costa quase fez o segundo. Com a defesa bem organizada, o Peixe segurou o placar e garantiu os três pontos.
– O torcedor tem um papel importante, e hoje ele foi excepcional. Jogou com a gente do início ao fim. Dependemos das nossas próprias forças para sair dessa situação. Foi uma vitória gigante, principalmente no aspecto de organização do time – completou Luizinho.
Com o resultado, o Tubarão chegou a 11 pontos na classificação e depende apenas de si para terminar o Campeonato Catarinense fora de zona de rebaixamento. O próximo compromisso da equipe é fora de casa, contra o Avaí, na Ressacada. O jogo será no sábado, às 18h.