JASC: judô conquista medalhas, tênis de mesa inicia disputas e futsal feminino empata

O judô iniciou os Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC) com o pé direito. Na tarde desta terça-feira (5), após vitórias, derrotas e repescagem, quatro atletas subiram ao pódio.

O judoca Marcelo Ferreira se consagrou campeão na categoria 100kg, enquanto Hemily Almeida (78kg), Bruna Freitas (+78kg) e Antônio Henriques (+100kg) foram medalha de bronze na competição. “Faltando 20 segundos para o término da luta fiz o golpe e tive a felicidade de conseguir o feito”, comemora Antônio. Ele que, junto com os demais integrantes, vão encarar a disputa por equipes. E nesta quarta-feira (6), chegou a vez de outros cinco atletas entrarem nos tatames, nas categorias ligeiro, meio leve e leve, sendo eles Victor Koudi, Lucca Fermino, Diego Vidal, Mayara Machado e Ana Flávia Ferreira.

Já que estamos falando de judô, que tal entender o porquê das cores azul e branco no kimono dos atletas? Segundo o técnico Jaison Tavares, o branco representa a alma do judoca e foi a primeira a ser escolhida para o uniforme da modalidade. “No surgimento das competições, os dois atletas usavam branco. Contudo, com o avanço da comunicação e as transmissões televisivas, o telespectador começou a sentir dificuldade em entender quem era quem no combate. Assim, foi preciso determinar outra cor”, explica Jaison. Por expressar harmonia e pureza, significado próximo do branco, a cor azul foi a estipulada e perdura até então.

Tênis de Mesa

Dos tatames para a raquete na mão. O tênis de mesa iniciou a busca pela vitória também nesta quarta-feira (6), com Guilherme Rossi, Darsi Rodrigues e Gabriel Carneiro. Cada um teve que treinar bastante, tanto física como tecnicamente, para chegar preparado aos JASC.

“Precisamos de bastante explosão, para ter uma movimentação rápida”, conta Guilherme. O trio vai encarar três categorias: individual, por equipe e duplas.

Futsal feminino

No segundo dia de disputas do futsal feminino, a equipe tubaronense empatou com o time de Serra Alta pelo placar de 1 a 1. Mesmo Lia Schlickmann tendo aberto o placar no início do jogo, as adversárias conseguiram balançar as redes também no primeiro tempo.

Na segunda etapa, o jogo truncado, com falhas e acertos de ambos os elencos, deixou o placar em igualdade. Com o empate, a equipe soma quatro pontos na tabela e precisa vencer nesta quinta-feira (7) o duelo contra o Monte Castelo, às 17h30 para avançar.

JASC: judô conquista medalhas, tênis de mesa inicia disputas e futsal feminino empata

O judô iniciou os Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC) com o pé direito. Na tarde desta terça-feira (5), após vitórias, derrotas e repescagem, quatro atletas subiram ao pódio.

O judoca Marcelo Ferreira se consagrou campeão na categoria 100kg, enquanto Hemily Almeida (78kg), Bruna Freitas (+78kg) e Antônio Henriques (+100kg) foram medalha de bronze na competição. “Faltando 20 segundos para o término da luta fiz o golpe e tive a felicidade de conseguir o feito”, comemora Antônio. Ele que, junto com os demais integrantes, vão encarar a disputa por equipes. E nesta quarta-feira (6), chegou a vez de outros cinco atletas entrarem nos tatames, nas categorias ligeiro, meio leve e leve, sendo eles Victor Koudi, Lucca Fermino, Diego Vidal, Mayara Machado e Ana Flávia Ferreira.

Já que estamos falando de judô, que tal entender o porquê das cores azul e branco no kimono dos atletas? Segundo o técnico Jaison Tavares, o branco representa a alma do judoca e foi a primeira a ser escolhida para o uniforme da modalidade. “No surgimento das competições, os dois atletas usavam branco. Contudo, com o avanço da comunicação e as transmissões televisivas, o telespectador começou a sentir dificuldade em entender quem era quem no combate. Assim, foi preciso determinar outra cor”, explica Jaison. Por expressar harmonia e pureza, significado próximo do branco, a cor azul foi a estipulada e perdura até então.

Tênis de Mesa

Dos tatames para a raquete na mão. O tênis de mesa iniciou a busca pela vitória também nesta quarta-feira (6), com Guilherme Rossi, Darsi Rodrigues e Gabriel Carneiro. Cada um teve que treinar bastante, tanto física como tecnicamente, para chegar preparado aos JASC.

“Precisamos de bastante explosão, para ter uma movimentação rápida”, conta Guilherme. O trio vai encarar três categorias: individual, por equipe e duplas.

Futsal feminino

No segundo dia de disputas do futsal feminino, a equipe tubaronense empatou com o time de Serra Alta pelo placar de 1 a 1. Mesmo Lia Schlickmann tendo aberto o placar no início do jogo, as adversárias conseguiram balançar as redes também no primeiro tempo.

Na segunda etapa, o jogo truncado, com falhas e acertos de ambos os elencos, deixou o placar em igualdade. Com o empate, a equipe soma quatro pontos na tabela e precisa vencer nesta quinta-feira (7) o duelo contra o Monte Castelo, às 17h30 para avançar.

JASC: judô conquista medalhas, tênis de mesa inicia disputas e futsal feminino empata

O judô iniciou os Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC) com o pé direito. Na tarde desta terça-feira (5), após vitórias, derrotas e repescagem, quatro atletas subiram ao pódio.

O judoca Marcelo Ferreira se consagrou campeão na categoria 100kg, enquanto Hemily Almeida (78kg), Bruna Freitas (+78kg) e Antônio Henriques (+100kg) foram medalha de bronze na competição. “Faltando 20 segundos para o término da luta fiz o golpe e tive a felicidade de conseguir o feito”, comemora Antônio. Ele que, junto com os demais integrantes, vão encarar a disputa por equipes. E nesta quarta-feira (6), chegou a vez de outros cinco atletas entrarem nos tatames, nas categorias ligeiro, meio leve e leve, sendo eles Victor Koudi, Lucca Fermino, Diego Vidal, Mayara Machado e Ana Flávia Ferreira.

Já que estamos falando de judô, que tal entender o porquê das cores azul e branco no kimono dos atletas? Segundo o técnico Jaison Tavares, o branco representa a alma do judoca e foi a primeira a ser escolhida para o uniforme da modalidade. “No surgimento das competições, os dois atletas usavam branco. Contudo, com o avanço da comunicação e as transmissões televisivas, o telespectador começou a sentir dificuldade em entender quem era quem no combate. Assim, foi preciso determinar outra cor”, explica Jaison. Por expressar harmonia e pureza, significado próximo do branco, a cor azul foi a estipulada e perdura até então.

Tênis de Mesa

Dos tatames para a raquete na mão. O tênis de mesa iniciou a busca pela vitória também nesta quarta-feira (6), com Guilherme Rossi, Darsi Rodrigues e Gabriel Carneiro. Cada um teve que treinar bastante, tanto física como tecnicamente, para chegar preparado aos JASC.

“Precisamos de bastante explosão, para ter uma movimentação rápida”, conta Guilherme. O trio vai encarar três categorias: individual, por equipe e duplas.

Futsal feminino

No segundo dia de disputas do futsal feminino, a equipe tubaronense empatou com o time de Serra Alta pelo placar de 1 a 1. Mesmo Lia Schlickmann tendo aberto o placar no início do jogo, as adversárias conseguiram balançar as redes também no primeiro tempo.

Na segunda etapa, o jogo truncado, com falhas e acertos de ambos os elencos, deixou o placar em igualdade. Com o empate, a equipe soma quatro pontos na tabela e precisa vencer nesta quinta-feira (7) o duelo contra o Monte Castelo, às 17h30 para avançar.