Hercílio Luz perde e se aproxima do Z2

O Hercílio Luz bem que tentou apresentar um futebol mais aguerrido e vencer a equipe da Chapecoense no Estádio Aníbal Costa, neste domingo (24), mas viu o time do Oeste virar o placar e voltar para casa com mais três pontos. O jogo terminou em 3 a 2 para o Verdão do Oeste.

O primeiro gol foi dos visitantes, aos 13 minutos, quando o atacante Aylon aproveitou lançamento e bateu cruzado, aos 13 da etapa inicial. O Leão do Sul chegou à igualdade aos 33, com Lima, de cabeça, e virou aos 46, também de cabeça, em gol marcado pelo zagueiro Zé Antônio.

Como queimou duas substituições logo nos 45 minutos de jogo, o técnico do Hercílio, Canindé Oliveira, tentou armar o time pedindo cautela para o segundo tempo. Mas foi justamente isso que faltou na zaga colorada. Pois logo aos dois minutos, de novo ele, Aylon, anotou o gol de empate, em mais um chute sem chances para Martins. Aos cinco, a Chape chegou à virada, em mais uma falta de atenção da meia-cancha hercilista. Bryan fez tabela com Renato, que passou de calcanhar. O lateral invadiu a área e chutou na saída de Martins, que desviou, mas não evitou o gol.

O jogo não mudou de placar até o apoito final. Com o resultado, o Leão ainda está na oitava posição, com 11 pontos, pelo menos até o término da partida do Metrô, contra o Marcílio Dias, a Chape mantém a terceira colocação na tabela, agora com 28 pontos ganhos.

O jogo não mudou de placar até o apoito final. Com o resultado, o Leão ainda está na oitava posição, com 11 pontos, pelo menos até o término da partida do Metrô, contra o Marcílio Dias, a Chape mantém a terceira colocação na tabela, agora com 28 pontos ganhos.

Fonte da informação Jornal Notisul.

 

Hercílio Luz perde e se aproxima do Z2

O Hercílio Luz bem que tentou apresentar um futebol mais aguerrido e vencer a equipe da Chapecoense no Estádio Aníbal Costa, neste domingo (24), mas viu o time do Oeste virar o placar e voltar para casa com mais três pontos. O jogo terminou em 3 a 2 para o Verdão do Oeste.

O primeiro gol foi dos visitantes, aos 13 minutos, quando o atacante Aylon aproveitou lançamento e bateu cruzado, aos 13 da etapa inicial. O Leão do Sul chegou à igualdade aos 33, com Lima, de cabeça, e virou aos 46, também de cabeça, em gol marcado pelo zagueiro Zé Antônio.

Como queimou duas substituições logo nos 45 minutos de jogo, o técnico do Hercílio, Canindé Oliveira, tentou armar o time pedindo cautela para o segundo tempo. Mas foi justamente isso que faltou na zaga colorada. Pois logo aos dois minutos, de novo ele, Aylon, anotou o gol de empate, em mais um chute sem chances para Martins. Aos cinco, a Chape chegou à virada, em mais uma falta de atenção da meia-cancha hercilista. Bryan fez tabela com Renato, que passou de calcanhar. O lateral invadiu a área e chutou na saída de Martins, que desviou, mas não evitou o gol.

O jogo não mudou de placar até o apoito final. Com o resultado, o Leão ainda está na oitava posição, com 11 pontos, pelo menos até o término da partida do Metrô, contra o Marcílio Dias, a Chape mantém a terceira colocação na tabela, agora com 28 pontos ganhos.

O jogo não mudou de placar até o apoito final. Com o resultado, o Leão ainda está na oitava posição, com 11 pontos, pelo menos até o término da partida do Metrô, contra o Marcílio Dias, a Chape mantém a terceira colocação na tabela, agora com 28 pontos ganhos.

Fonte da informação Jornal Notisul.

 

Hercílio Luz perde e se aproxima do Z2

O Hercílio Luz bem que tentou apresentar um futebol mais aguerrido e vencer a equipe da Chapecoense no Estádio Aníbal Costa, neste domingo (24), mas viu o time do Oeste virar o placar e voltar para casa com mais três pontos. O jogo terminou em 3 a 2 para o Verdão do Oeste.

O primeiro gol foi dos visitantes, aos 13 minutos, quando o atacante Aylon aproveitou lançamento e bateu cruzado, aos 13 da etapa inicial. O Leão do Sul chegou à igualdade aos 33, com Lima, de cabeça, e virou aos 46, também de cabeça, em gol marcado pelo zagueiro Zé Antônio.

Como queimou duas substituições logo nos 45 minutos de jogo, o técnico do Hercílio, Canindé Oliveira, tentou armar o time pedindo cautela para o segundo tempo. Mas foi justamente isso que faltou na zaga colorada. Pois logo aos dois minutos, de novo ele, Aylon, anotou o gol de empate, em mais um chute sem chances para Martins. Aos cinco, a Chape chegou à virada, em mais uma falta de atenção da meia-cancha hercilista. Bryan fez tabela com Renato, que passou de calcanhar. O lateral invadiu a área e chutou na saída de Martins, que desviou, mas não evitou o gol.

O jogo não mudou de placar até o apoito final. Com o resultado, o Leão ainda está na oitava posição, com 11 pontos, pelo menos até o término da partida do Metrô, contra o Marcílio Dias, a Chape mantém a terceira colocação na tabela, agora com 28 pontos ganhos.

O jogo não mudou de placar até o apoito final. Com o resultado, o Leão ainda está na oitava posição, com 11 pontos, pelo menos até o término da partida do Metrô, contra o Marcílio Dias, a Chape mantém a terceira colocação na tabela, agora com 28 pontos ganhos.

Fonte da informação Jornal Notisul.