FCF adota medida para proteger atletas da base

Na última quarta-feira (6), a Federação Catarinense de Futebol divulgou a Resolução de Diretoria Nº20/2020, que definiu a data mínima de 1º de agosto para a realização de suas competições de base da Série A. Essa decisão engloba os Campeonatos Catarinenses de Futebol Não-Profissional das categorias sub-15, sub-17 e sub-20.

O principal motivo por trás da medida consiste na proteção dos nossos jovens atletas. Para Fábio Nogueira, Diretor de Competições Principais, a determinação é importante pois, por exemplo, “são necessárias adaptações nos alojamentos das categorias de base, onde os jogadores ficam abrigados”. É fundamental que, quando o retorno deles acontecer, as condições sejam boas e evitem qualquer tipo de risco.

A FCF reitera que, neste momento, considera crucial a adoção de uma postura consciente em relação a todos os seus campos de atuação.

 

FCF adota medida para proteger atletas da base

Na última quarta-feira (6), a Federação Catarinense de Futebol divulgou a Resolução de Diretoria Nº20/2020, que definiu a data mínima de 1º de agosto para a realização de suas competições de base da Série A. Essa decisão engloba os Campeonatos Catarinenses de Futebol Não-Profissional das categorias sub-15, sub-17 e sub-20.

O principal motivo por trás da medida consiste na proteção dos nossos jovens atletas. Para Fábio Nogueira, Diretor de Competições Principais, a determinação é importante pois, por exemplo, “são necessárias adaptações nos alojamentos das categorias de base, onde os jogadores ficam abrigados”. É fundamental que, quando o retorno deles acontecer, as condições sejam boas e evitem qualquer tipo de risco.

A FCF reitera que, neste momento, considera crucial a adoção de uma postura consciente em relação a todos os seus campos de atuação.

 

FCF adota medida para proteger atletas da base

Na última quarta-feira (6), a Federação Catarinense de Futebol divulgou a Resolução de Diretoria Nº20/2020, que definiu a data mínima de 1º de agosto para a realização de suas competições de base da Série A. Essa decisão engloba os Campeonatos Catarinenses de Futebol Não-Profissional das categorias sub-15, sub-17 e sub-20.

O principal motivo por trás da medida consiste na proteção dos nossos jovens atletas. Para Fábio Nogueira, Diretor de Competições Principais, a determinação é importante pois, por exemplo, “são necessárias adaptações nos alojamentos das categorias de base, onde os jogadores ficam abrigados”. É fundamental que, quando o retorno deles acontecer, as condições sejam boas e evitem qualquer tipo de risco.

A FCF reitera que, neste momento, considera crucial a adoção de uma postura consciente em relação a todos os seus campos de atuação.